Header Ads

Header ADS

Prefeito de Pindobaçu demite médicos após reclamações




O prefeito de Pindobaçu, Marlos André, mostrou a firmeza e coragem que ainda falta a muitos gestores. Enfrentou o que chama de corporativismo e demitiu, de uma só vez, três médicos que atendiam no municípios. Segundo o blog E2S Notícias, a população já vinha reclamando do atendimento lento ou, em alguns casos, da falta dos profissionais nas unidades.
Inicialmente, o prefeito teria demitido um dos profissionais. Os outros dois teriam exigido o retorno do médico ou também deixariam de atender. Prontamente, Marlos André demitiu os dois. Segundo o blog E2S Notícias, os três não queriam aceitar sequer as ordens da direção do hospital municipal de Pindobaçu e reclamavam do excesso de pessoas para atender. O nome dos profissionais não foi divulgado.
Para cada plantão de 24 horas no hospital, o município paga R$ 1.600 e mais R$ 500 para atender, no ambulatório, 30 pessoas pela manhã e 30 à tarde. Informações que os substitutos já teriam sido contratados pelo gestor.

Um comentário

Anônimo disse...

Hahahaha...até parece que a história foi assim. Quem vive a realidade dos postos e do hospital sabe que não foi bem assim. Quantos aos contratados, das seis unidades de atendimento, apenas duas tem médico; antes, cinco eram assistidas. Telefone sem fio esse...

Tecnologia do Blogger.